financas‎ > ‎

Maioria dos bancos ainda cobra juros absurdos no crédito pessoal

postado em 5 de jul de 2013 05:17 por Marco Aurelio Zoqui   [ 5 de jul de 2013 05:17 atualizado‎(s)‎ ]

05/07/13 - Cheque especial e crédito rotativo dos cartões devem ser os últimos recursos dos clientes.

Olá, respondo a e-mail recebido em cbndinheiro@cbn.com.br.
A minha situação é a seguinte. Tenho dívidas com cheque-especial e cartão de crédito no total de R$5000,00. Pago em média R$500,00 por mês em juros. Pensei em fazer um empréstimo para quitar essa dívida. Sei que os juros dos cartões e dos cheques especiais são altos, mas será que eu acho um empréstimos com juros menores do que esses?
Meu comentário:
Com absoluta certeza você vai encontrar taxas bem menores. Cheque especial é especial só para o banco. Para o cliente, o cheque especial deve ser o último recurso, por que ele custa caro demais. A mesma coisa acontece com o crédito rotativo dos cartões de crédito, ou seja aquela parcela que você deixa de pagar no dia do vencimento. Os juros são elevadíssimos. A maioria dos bancos ainda está cobrando juros absurdos no crédito pessoal no Brasil. Você tem que fujir disso rapidamente.

Algumas alternativas:

Primeira: procure fazer um crédito consignado em folha de pagamento se você ainda tiver limite.

Segunda: visite um banco público e compare as taxas que esse banco vai lhe oferecer não só no cheque especial e no cartão de crédito, mas principalmente nos empréstimos pessoais. Talvez valha a pena você transferir a sua conta para lá.

Terceira: ligue para cooperativas de crédito na sua região. Talvez vale a pena você se tornar um associado porque os juros e as taxas nessas cooperativas costumam ser bem menores. E olhe que nós já temos cooperativas de crédito centenárias aqui no Brasil.

Quarta: depois de fazer tudo isso, peça ao gerente de seu banco atual um empréstimo pessoal para quitar todas essas dívidas caras lá do cheque especial e do cartão de crédito, e leve pra ele as taxas que você encontrou na concorrência. Eu espero que o seu gerente possa realmente ajudar você, caso contrário, mude de banco. E não deixe de aproveitar o fim de semana com a sua família.


Mauro Halfeld pra CBN


Todos os comentários de Mauro Halfeld estão arquivados no site www.cbn.com.br
Transcrição autorizada do podcast de Mauro Halfeld para CBN