financas‎ > ‎

Como faço para aplicar R$ 530 mil que estão na poupança antiga?

postado em 24 de abr de 2013 08:15 por Marco Aurelio Zoqui   [ 24 de abr de 2013 08:15 atualizado‎(s)‎ ]

17/04/13 - Tenha paciência e não se atreva em buscar investimentos mais rentáveis, mas arriscados.

Olá, respondo a e-mail recebido em cbndinheiro@cbn.com.br.
Tenho 55 anos. Sou prematuramente aposentada com uma renda mensal líquida de R$2000,00. E tenho despesas muito baixas com minha moradia num município da região dos lagos no Rio de Janeiro. Atualmente tenho todas as minhas economias, R$530.000,00, aplicadas na poupança antiga, e gostaria de saber como faço pra aplicar este dinheiro, ou então uma parte dele, de forma que eu possa fazer saques maiores pra aumentar a minha renda mensal.

Meu comentário:

Você está numa situação confortável. Você tá gastando pouco, porque mora numa cidade com custos baixos e isso é muito bom, e por isso você não precisa se arriscar. Você não precisa entrar em investimentos arriscados. Neste mundo de hoje em que os rendimentos de capital são muito baixos, você tem até o privilégio de estar ganhando 0.5% ao mês sem impostos e sem riscos se você estiver em um banco de primeira linha com esta poupança. Não chega a ser um rendimento maravilhoso: a gente tem que lembrar que a inflação tá consumindo uma parte substancial deste rendimento. No entanto eu penso que é melhor você ter paciência e não se atrever em buscar investimentos potencialmente até mais rentáveis, mas que são bem mais arriscados. No futuro não muito distante, se os juros subirem bastante, ou se houver uma crise lá nos mercados de renda variável você vai ter novamente, a oportunidade de pensar e sacar o dinheiro buscando um rendimento maior. Neste momento, eu acho que é melhor você ficar com o dinheiro descansando nesta poupança antiga, esperando as futuras oportunidades que vão aparecer mas cedo ou mais tarde.

Mauro Halfeld pra CBN


Todos os comentários de Mauro Halfeld estão arquivados no site www.cbn.com.br
Transcrição autorizada do podcast de Mauro Halfeld para CBN