financas‎ > ‎

Mercado passa por um momento muito delicado

postado em 26 de abr de 2013 13:32 por Marco Aurelio Zoqui   [ 26 de abr de 2013 13:32 atualizado‎(s)‎ ]

16/04/13 - Quem estiver com aplicações arriscadas precisa fazer uma revisão. Já o investidor de longo prazo tem que manter a calma e ficar fiel aos compromissos originais.

Eu já andava bem pessimista com as aplicações de renda variável no Brasil. Confesso que eu fiquei muito mais preocupado com os acontecimentos nos últimos dias. Primeiro foi o destaque a imprensa financeira internacional deu a uma declaração da presidente do FMI que dizia temer bolhas nos mercados emergentes. Nós que vivemos num dos mais famosos desses mercados emergentes sabemos muito bem do que ela tá falando. Ela se mostrou preocupada com um eventual fim da festa desse crescimento baseado em crédito abundante pra consumo, e no endividamento de empresas no exterior. Segundo motivo da minha preocupação foi a queda muito violenta no preço do ouro nas últimas horas. O mercado financeiro, já tava batendo no preço do ouro desde o início do ano. Mas ontem o mercado foi cruel demais: derrubou os preços sem dó nem pena em mais de 9% num único dia. Isso arrastou pra baixo boa parte dos preços das outras commodities. Tudo sem uma explicação muito lógica, muito convincente. Parecia até uma vingança. Os aplicadores perceberam que os preços das commodities estão inflados demais, e que boa parte disso se deve a especulações. Terceiro motivo, as bombas em Boston e a ameaça de novos ataques terroristas. É não vai ser fácil suportar uma nova crise. Os governos do primeiro mundo, não tem mais como baixar juros, já baixaram tudo. Imprimir moeda pra comprar títulos públicos foi também um remédio usado ao extremo nos últimos cinco anos e os efeitos já não são os mesmos, são cada vez menores. Tomara que eu esteja equivocado, mas me parece que nós estamos vivendo um momento muito delicado no mercado.

Minhas sugestões práticas:

Que estiver com aplicações arriscadas, tem que imediatamente fazer uma revisão. O humor do mercado mudou completamente nas últimas horas, e os prejuízos daqui pra frente, podem ser muito grandes. Segundo, quem for um investidor de longo prazo, ao contrário tem que manter a calma e ficar fiel ao seus compromissos originais. No longo prazo a história tem mostrado que os índices de ações, eles se recuperam, mas isso não vale, para um ou outro papel que pode virar pó no meio desta turbulência toda. E por último, quem tem dívidas em moeda estrangeira, deve colocar as barbas de molho, o real pode ser pressionado nesses próximos dias, se a crise realmente se instalar lá fora.

Mauro Halfeld pra CBN


Todos os comentários de Mauro Halfeld estão arquivados no site www.cbn.com.br
Transcrição autorizada do podcast de Mauro Halfeld para CBN